8 Benefícios para a saúde da prática de yoga

HiResO yoga é uma peça essencial da actual corrente LOHAS (sigla em inglês de “estilo de vida saudável e sustentável”). Mas, há algo de verdade os benefícios saudáveis que se lhe atribuem à sua prática? Os últimos estudos científicos sobre o tema indicam que bastante.

Dizem que Iyengar popularizou o yoga no ocidente, já que era amigo do famoso violinista Yehudi Menuhin, que o introduziu na Europa, em 1952, onde começou a ensinar yoga em Londres, Suíça, Paris e outros lugares. Para muitos, é o pai do yoga occid

Doodle Yoga Iyengar

ental, embora, como todos os gênios, também foi objeto de polêmicas e detratores.

O importante é a mensagem de BKS Iyengar, estava firmemente convencido de que o yoga era saúde, e que se todo o mundo realizá-lo, yoga é cerrarían as farmácias e diminuir a maioria das doenças causadas por maus hábitos de vida atuais. Morreu em Lisboa, a 20 de agosto de 2014), foi o fundador do Yoga Iyengar.

Os benefícios da prática de yoga são cada vez mais numerosos e, no nosso país, o yoga é uma atividade que começa a popularizar-se pouco a pouco entre as pessoas atletas. Minha experiência é curta, reconheço que fui relutante em fazer yoga porque o considerava ou muito simples ou muito complicado, não estava aulas de meio-termo para a minha. Felizmente tive a sorte de começar a praticar yoga no ano que passei em Cambridge, Inglaterra, porque era muito popular, barato e acessívelMeditation woman. Tabela Illustration., e encontrei classes que se adaptaram para o que eu precisava, quando eu preparava a maratona de Lóndres na minha vida estressante em Inglaterra, e me convenceu, me surpreendeu o quanto aprendi e o quanto me sentou-se.

Primeiro, eu descobri que, com duas horas por semana conseguiu reduzir o estresse de estar vivendo fora de seu país, tentando conciliar aulas, de trabalho e de o levar a casa e os filhos sozinha durante a semana, até que chegava a Fran o fim-de-semana que não trabalhava, dormia 6 horas.

Mais tarde descobri que a prática diária de yoga me servia para prevenir lesões de uma forma nova, já que ao esticar com as diferentes posturas ou asanas, notava-se que músculos estavam sobrecarregados e eu podia ultrapassar as lesões. Embora isso, descobri o ‘besta’, quando tive uma lesão de grau III nos isquiotibiais fazendo séries na pista… uma lesão grave que recuperei com muita reabilitação e repouso. Me dei conta de que fazia uma semana que estava notando a tensão e uma leve dor na área com algumas posturas de yoga, como a pinça, e que se tivesse feito caso o aviso não tivesse feito séries correndo e possivelmente não tivesse me ferido tão gravemente.

Essa é a minha experiência, e agora pratico yoga todos os dias, pelo menos 10 minutos antes de dormir, com um pouco de meditação. Não só me ajuda a dormir bem e estar menos preocupado com todas as coisas que se acumulam na cabeça ao deitar-se, também sinto que o meu corpo mudou, foi elongado e ganhei muita elasticidade que tinha dado por perda por praticar os 3 esportes do triatlo.

E para que não fique em uma pura anedota ou experiência pessoal, deixo-vos uma compilação de estudos que falam dos benefícios para a saúde da prática de yoga, aproveitando o dia de BKS Iyengar, para agradecer como o seu trabalho tem servido para trazer o yoga para o mundo ocidental.

YOGA E HIPERTENSÃO ARTERIAL, COLESTEROL E COAGULAÇÃObenefícios do yoga

Há um par de anos que uma equipe de pesquisadores da Universidade da Pensilvânia (EUA), demonstrou que a modalidade de yoga Iyengar , combate a hipertensão, o que, a longo prazo, diminui o risco de doenças cardiovasculares. A isto se acrescenta que estudos recentes realizados no Instituto de Yoga de Santacruz da Índia sugerem que adotar as posturas de yoga ou asanas com certa frequência reduz em 23% os níveis de colesterol no sangue. Com estes exercícios também descem a acumulação de gordura nas paredes das artérias e os níveis de fibrinogênio no sangue, uma proteína que participa na formação de coágulos. Sem esquecer que as estatísticas mostram que aqueles que praticam esta disciplina visitam menos vezes um hospital ao longo de sua vida do que aqueles que não o fazem.

YOGA E DORES NAS COSTAS

Basta saber dezessete posições de viniyoga, um estilo fácil de aplicar que combina movimentos e respiração, para acabar com as dores de costas crónicas, especialmente se eles afetam a zona lombar, tal como se podia ler em um estudo publicado no Annals of Internal Medicine. Os participantes da pesquisa não apenas observaram os efeitos anestésicos do exercício, mas que, após alguns meses de prática, recuperaram a capacidade de executar movimentos que meses antes lhes causavam uma dor insuportável.

YOGA E DOR DE CABEÇA

Se o que nos dói é normalmente a cabeça, uma sessão de yoga também ajuda a evitá-lo, tal como se desprendia de um artigo publicado no Headache que vincula esta atividade para a prevenção de enxaquecas.

YOGA E INFLAMAÇÃOInfographics of main tips for losing weight

Outros benefícios do yoga tornam-se evidentes através de um simples exame de sangue. Por exemplo, um estudo da Universidade de Ohio (EUA), dado a conhecer na revista Psychosomatic Medicine revelou que praticar esta disciplina uma ou duas vezes por semana, de forma contínua reduz a concentração sangüínea de interleucina-6, uma molécula ligada à resposta inflamatória do organismo e que parece estar envolvida em acidentes vasculares cerebrais, diabetes tipo 2, artrite e outras doenças.

YOGA E ESTRESSE

A mesma pesquisa mostrou que, quando submetidos a estresse intenso, os corpos dos “iogues” respondem com menos intensidade do que aqueles que levam uma vida sedentária ou contra aqueles que praticam outro tipo de exercício físico.

YOGA E SÍNDROME METABÓLICA

Em um estudo publicado na revista “BMC Complementary and Alternative Medicine’, com 3 grupos, um de pessoas saudáveis que fazem yoga habitualmente, outro com pessoas saudáveis, a que se lhes ensina a fazer yoga e outro com pessoas com síndrome metabólica em que se ensina também a fazer yoga. Está comprovado que a prática regular de yoga, diminui o consumo de oxigênio, acelera a recuperação no descanso, e reduz o estresse. Especialmente em pessoas que fazem yoga regularmente, mas também em outros grupos que começaram a fazer yoga. Demonstrando que as pessoas com síndrome metabólica podem se beneficiar de fazer yoga e melhorar suas taxas metabólicas e consumo de oxigênio, melhorando os sintomas e as complicações de sua alteração metabólica.

YOGA E FORTALECIMENTO DE ASSOALHO PÉLVICO

Investigadores da UC San Francisco (UCSF) descobriram que um programa de yoga especialmente projetado pode ajudar as mulheres a obter mais controle sobre o controle da micção e evitar a saída involuntária de urina. Certamente porque com o yoga se chega a ser mais consciente, ter maior relaxamento e aliviar a ansiedade e o estresse, conforme explica o autor, Alison Huang, MD, professor adjunto na Faculdade de medicina da UCSF.

YOGA PARA QUEIMAR CALORIAS

Um estudo, publicado no ‘Medicine & Science in Sports & Exercise’ , investigou a demanda metabólica e hemodinâmica da prática de Yoga Vinyasa em praticantes regulares de yoga. Os pesquisadores da Universidade Adelphi fizeram um programa de 15 minutos de uma seqüência de vídeo de Yoga vinyasa sequência de vídeo, que incluía de 6 a 13 posições de yoga para pessoas já familiarizadas com o yoga antes da prova. Os pesquisadores descobriram que o gasto calórico médio é de 7 kcal / min, durante a sessão de yoga, o que equivale a queimar cerca de 507 calorias por hora, o equivalente a correr uma milha de 11 minutos.

E deixo aqui, porque há muitos mais estudos que mostram os benefícios para a saúde da prática constante de yoga.

E para que vos animéis a praticar yoga, deixo-vos um dos meus exercícios favoritos para principiantes: A saudação ao sol.Seqüência-Saudação-do-Sol

Este vídeo fizemos na Sport Life em Bikram Yoga Sa com a ONG Mundo Cooperante, por ocasião da celebração do dia 6 de fevereiro, Dia Internacional da Mutilação Genital Feminina (MGF).

Você pode seguir os seus passos facilmente e incluí-lo em sua rotina de exercícios diários para comprovar seus benefícios.

Eu uso a corda ao terminar meus exercícios como parte do estiramento e volta à calma depois de um treino duro e eu também gosto de fazê-la todas as manhãs quando eu me levanto cedo, especialmente se coincidir com o nascer do sol, é um energético natural para começar bem o dia.

Leave a Reply