Correr não é de covardes

correnoescobardes

Vivemos um verdadeiro “boom” do fenômeno “running”. Se vamos pela cidade, nós encontramos pessoas correndo por todos os seus cantos (ruas, parques, perto de…). Se vamos para a montanha não é difícil ver algum corredor, saindo de uma estrada no meio do nada. Da mesma forma que seja de dia, de noite ou de madrugada, que seja de festa ou de trabalho, que seja a hora de comer ou de ir para a cama, que seja inverno ou verão, para ver alguém correndo por qualquer site ou lugar. Agora nos perguntamos como algo tão simples e aparentemente entediado pode prender tanto. A resposta é simples e reside principalmente no que nenhuma atividade esportiva proporciona tanto em tão pouco tempo. Eu atualmente, embora o “running” não é o meu esporte preferido, eu me considero um viciado em atletismo popular ou o que é o mesmo, o “running”, não podendo conceber a minha vida sem correr pelo menos um dia por semana.

Correr não é de covardes, tudo o contrário!, quem corre experimenta todos os benefícios de uma atividade natural que se pode praticar, sem qualquer limite (exceto o de estar em forma) e sem precisar de nenhum tipo de material especial, basta um tênis confortável. Correr não entende de falta de tempo ou de dinheiro, torna-nos livres e nos desestresa do ritmo desenfreado da sociedade em que vivemos. Correr te dá felicidade e uma autodisciplina que repercute positivamente no seu dia-a-dia. Sem dúvida, há poucas pessoas que gostam de correr por correr, já que se não fosse a sensação que se experimenta quando acabar, não teria quase ninguém correndo. Correr em si é algo chato, mas quando você termina, você pode experimentar um grande bem-estar físico, mas acima de tudo mental que te faz estar “acima do mundo”.

Correr está cada vez mais na moda porque é uma maneira perfeita de fazer exercício, sem mais limitações que as que cada pessoa queira se impor. As pessoas que o praticam se sentem melhor humor, mais ativos, vitais e com mais qualidade de vida. Há que se destacar que para praticá-lo não precisa ser um atleta, nem é preciso correr maratonas, mas que com apenas alguns minutos de “running” poderemos experimentar como se ativa o metabolismo durante horas notaremos uma agradável sensação de bem-estar, tranquilidade e equilíbrio que faz com que o que sai a correr, longe de ser um covarde é uma pessoa muito “intelligente”.

Leave a Reply